O futuro da ALBA 10.5102/uri.v11i1.2428

Renata de Melo Rosa, Vívian Marcelino dos Santos Lima

Resumo


Este artigo tem como objetivo discutir a iniciativa de integração – Aliança Bolivariana para os Povos da Nossa América – formada por países da América Latina com o intuito de alterar a lógica das relações de integração e cooperação e estabelecer uma ordem regional inspirada no Socialismo do Século XXI. Busca-se apresentar a iniciativa como instrumento político de transformação para, a partir disso e por meio da análise da forma como se desenvolveu e atuou, compreender a atual situação em que se encontra. Argumenta-se que as dificuldades enfrentadas pela Aliança Bolivariana devem-se à ausência da base de sustentação sólida da sociedade civil dos países-membros, o que faz com que o aprofundamento da revolução não consiga avançar no sentido de formar uma contra-hegemonia capaz de criar um novo bloco histórico nas relações regionais.

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/uri.v11i1.2428

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1807-2135 (impresso) - ISSN 1982-0720 (on-line) - e-mail: universitas.rel@uniceub.br

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia