O ESTADO EM HABERMAS E EM PONTES DE MIRANDA

Cláudia Helena Campos e Silva

Resumo


A obra de Jürgen Habermas, Direito e democracia: entre facticidade e validade, se lida sob o ponto de vista de Pontes de Miranda expresso em seu trabalho Democracia, liberdade, igualdade: os três caminhos, apresenta problemas de formulação conceitual, os quais, por sua vez, colocam em dúvida a construção teórica empreendida pelo autor.

Palavras-chave


Estado. Ação comunicativa. Princípio do discurso. Validade da norma jurídica.

Texto completo:

Texto completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/unijus.v0i0.453

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1519-9045 (impresso) - ISSN 1982-8268 (on-line) - e-mail: carolina.abreu@uniceub.br

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia